O que é persuasão?

Persuasão é o substantivo feminino com origem no termo em latim persuadere, e consiste no ato de persuadir ou convencer.

Apesar de algumas pessoas terem uma visão errada sobre persuasão, a verdade é que ela pode ser muito útil em diversas áreas da sua vida. Desde que você saiba como usá-la a seu favor sem se tornar uma pessoa manipuladora, não há nada de mal em convencer as pessoas sobre os seus argumentos.

Tornar-se mais persuasiva pode trazer-lhe muitos benefícios para sua vida pessoal e profissional.

A persuasão é a arte de fazer com que as pessoas façam coisas que já são de seu interesse, mas que também tragam benefícios para elas.

Persuasão não é manipulação. Manipulação é a coerção através da força de arranjar alguém para fazer algo que não é do seu próprio interesse.

Dicas para ser influente sem ser manipuladora:

1- Ter um propósito

As pessoas realmente persuasivas conhecem as suas capacidades e usam-nas com moderação e conhecimento de causa. Essas pessoas sabem que grande parte das conversas não exigem que alguém faça ou aceite algo, por isso usam o seu poder de persuasão apenas quando necessário. Se você quer ser alguém persuasivo, escolha as suas batalhas e perceba quando é necessário investir em alguma causa.

2- Saber ouvir

As pessoas persuasivas sabem que forçar o seu próprio argumento não as leva a lugar nenhum e, por isso, sabem ouvir. Certamente que este tipo de pessoa é capaz de articular a sua posição de maneira convincente, mas também sabem que é necessário mais do que isso para convencer alguém. Portanto, se o seu objetivo é tornar-se mais persuasivo, ouça. Esse é o primeiro passo e vai permitir uma avaliação dos argumentos alheios. Dessa maneira, evitará discutir por uma causa perdida.

3- Definir expectativas

Grande parte da persuasão está em gerir expectativas para que confiem no seu julgamento. A persuasão é, simplesmente, sobre a compreensão e sobre a entrega de expectativas.

4- Dizer a verdade

Às vezes, a amaneira mais eficaz de convencer alguém é dizer-lhes coisas sobre si, mesmo que mais ninguém esteja disposto a dizer. Enfrentar as verdades duras são os eventos mais penetrantes e significativos que acontecem em nossas vidas. Diga a verdade sem julgar, e irá encontrar, muitas vezes, respostas bastantes surpreendentes.

5- Criar conexão

É fácil perceber quando as pessoas estão tentando convencer, sobretudo quando não tem qualquer envolvimento emocional com a pessoa ou com o argumento que ela usa. por isso as pessoas realmente convincentes sabem que o ideal é criar uma identificação entre o assunto e a pessoa a ser convencida. Se quer ser mais persuasiva, mostre empatia pela posição de seu interlocutor  e deixe que os outros defendam seu ponto de vista.

Você sabe qual a importância de se ter uma boa rede de contatos?

A palavra “networking” tem origem na língua inglesa, e seu significado é: net=rede/work=trabalho. Quando traduzimos esta expressão para o português temos algo como: “rede de contatos relacionados ao trabalho”. Esta rede de contatos pode ser muito bem usada como uma forma de nos inserirmos no mercado desde que bem utilizada.

Essa rede de contatos serve para compartilhar informações, sendo um processo recíproco de troca de ideias. Não importa a quantidade de pessoas conectadas a você, mas sim a qualidade destes contatos.

O importante é você mostrar a sua rede aquilo que você tem a oferecer, sempre deixar bem claro quais são seus propósitos e objetivos, quais os projetos que você tem em andamento, quais suas competências e verificar sempre que tipo de apoio você busca na sua rede, para poder ampliá-la.

Lembre-se de manter a sua rede ativa, por isso sempre que possível fortaleça seus laços, faça conexões e agradeça sempre pelo que os outros estão te oferecendo de recurso.

Dicas para desenvolver uma boa rede de contatos.

1- Desenvolva interesse genuíno pelas pessoas que pretende incluir em sua rede de contatos. Se você procurar as pessoas apenas quando estiver precisando de favor, elas vão perceber e se afastar de você;

2- Dentro das suas possibilidades, esteja disponível para ajudar as pessoas da sua rede;

3- Frequentar cursos, palestras e convenções te coloca em contato com pessoas de diversos setores;

4- Participar de associações, comitês e entidades gera muitos contatos profissionais;

5- Evite falar muito nas conversas, procure ouvir mais e obter informações e conhecimento sobre as pessoas.

6- Lembre-se do nome das pessoas e data de aniversário;

7- Tenha um blog e convide todos de sua rede de relacionamento para visitá-lo e contribuir com artigos e notícias.