Vulnerabilidade

Escrever a nossa própria história pode ser muito difícil. Mas não é tão duro quanto passar a vida fugindo dela. Aceitar as nossas vulnerabilidades é arriscado, mas não é tão perigoso quanto desistir do amor.

Do pertencimento e a alegria. Que por outro lado são as experiências que nos deixam mais vulneráveis. Somente quando temos a coragem suficiente para explorar a escuridão, descobrimos o poder infinito da nossa luz.

Brené Brown.

Entrega.

Ao invés de focar nas coisas que você não tem e ficar brigando com o universo, comece a dar: dê amor, dê alegria e faça o seu trabalho com capricho e entrega. Nesse momento você inverte o jogo: sai da postura de vítima e se descobre um cocriador. E então você entende que nunca foi uma questão de simplesmente receber, mas de se doar.

Gisela Vallin.

Autor da sua história.

A mente humana é como um grande teatro.

Seu lugar não é na platéia, mas no palco, brilhando na sua inteligência, alegrando-se com suas vitórias, aprendendo com suas derrotas e treinando a cada dia para ser… o autor da sua história, o líder de si mesmo.

Livro: Seja líder de si mesmo.

Autor: Augusto Cury.

Lição 93- Livro Passos de Gigante.

” Você concorda ou discorda da seguinte afirmação:  Pensar é somente um processo de perguntas e respostas? Para responder, você precisou perguntar-se algo do tipo “Isso é mesmo verdade?” ou “Será que eu concordo com o que ele disse?”.

A maioria de nossos processos mentais, desde a avaliação (Como isso está?) até a imaginação (O que é possível?) e a decisão (O que devo fazer?), envolve perguntas e respostas. Portanto, se desejamos mudar a qualidade de nossa vida, devemos modificar aquilo que habitualmente perguntamos a nós mesmos e aos outros”.

Anthony Robbins

Amor-próprio

Amor-próprio não tem a ver com estar apaixonado por sua própria imagem no espelho, não é narcisismo; tem relação com exercitar suas escolhas, independentemente do que os outros pensem ou digam.

Amor-próprio tem a ver com seguir seu contentamento, mesmo que ele seja considerado tolo ou fútil por quem não habita o seu corpo e nem conhece o interior de sua alma. Apenas você sabe o que te move, ninguém mais.

Livro: 365 reflexões para viver o agora.

Flavia Melissa.

Lição 92- Livro Passos de Gigante

“Qual a diferença básica entre pessoas bem sucedidas e que não o são? De modo bastante simples, as pessoas de sucesso são as que fizeram as melhores perguntas e, como resultado, obtiveram as melhores respostas. Logo depois de o automóvel ter sido inventado, centenas de pessoas pensaram em fabricá-lo, mas Henry Ford destacou-se ao perguntar: Como posso produzir em massa essa máquina?

Milhões de pessoas viveram sob o regime comunista na Europa oriental, mas foi Lech Walesa que teve coragem de perguntar: Como posso elevar o padrão de vida de todos os trabalhadores?

Se você liberasse a sua imaginação, para onde suas perguntas poderiam levá-lo?

Anthony Robbins