Caminhe

Se você se acha no direito de dizer como o outro deveria viver, faça o seguinte: caminhe os caminhos por onde ele caminhou, estude o que ele estudou, sofra o que ele sofreu, conquiste o que ele conquistou.

E depois de ter passado por tudo o que ele já passou, seja você mesmo como acha que ele deveria ser.

Pe Fábio de Melo.

Deixe uma resposta